quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

carta aberta

todos os sonhos, todas as intenções, preces, metas, planos e ambições. Estão todas ali. Todos os abraços, muitos deles, todo o sentimento, sem exceção. Todos os amigos, amantes, amores, platônicos ou não. Vividos ou não. Mãe, pai, irmãos, avós e sobrinhos, tantos deles. Tão pouco tempo para dizer tanto, mesmo que a tardinha, mesmo que ausente, mesmo que. Tão presente é a simples verdade. Fala por si, dita em refrão.

Um Natal verdadeiramente feliz. E completo.

L

2 comentários:

ViVi disse...

faço parte! E você sabe que também faz parte do meu ano!

um beijo, Le ! Felicidades para todos que são queridos por ti!

Pitango disse...

Que 2010 seja só de coisa boa! =)